Áudio O Poder das Afirmações Positivas

domingo, 10 de março de 2013

PROCRASTINAÇÃO: COMO SE LIVRAR DO MAU HÁBITO DE DEIXAR PARA DEPOIS AQUILO QUE PODE SER FEITO AGORA

 
 
Como reconhecer e neutralizar os sentimentos negativos que nos levam a procrastinação, a tendência de deixar para depois as tarefas importantes, mas desagradáveis ou difíceis.

Procrastinação é o ato de esquivar-se de uma tarefa que necessita ser realizada. É o mau hábito de deixar para amanhã o que pode ser feito hoje. Isto pode nos levar a ter sentimentos de culpa, desajuste, depressão e baixa autoestima. A procrastinação pode ocasionar conseqüências dolorosas, como o insucesso profissional e a frustração nos assuntos e negócios particulares.

Procrastinação não é simplesmente uma forma de preguiça. Ela surge por razões variadas, incluindo:
 ■fuga de experiências negativas
 ■falta de capacitação
 ■medo de comentários e avaliações de terceiros
 ■hostilidade à tarefa ou à pessoa que a solicitou.
 ■pessimismo
 ■depressão
 ■perfeccionismo
 ■passividade
 ■necessidade de aceitação
 ■baixa tolerância às frustrações
 ■sentimento de injustiça
 ■sobrecarga

Sinais de alerta

A tendência de deixar para depois as tarefas mais difíceis e desagradáveis está sempre presente e o combate à procrastinação exige um alerta constante. Os verdadeiros procrastinadores apresentam cinco comportamentos reveladores:

 1.Sobreestimam o tempo necessário para realizar alguma coisa.
 2.Superestimam o tempo disponível para realizar alguma coisa.
 3.Superestimam o quanto estarão motivados para realizar alguma coisa mais tarde.
 4.Acreditam erradamente que não é recomendável trabalhar numa tarefa quando não estão muito bem dispostos a fazê-la.
 5.Acreditam erradamente que, para ter sucesso numa tarefa, eles têm que desejar fazê-la.

Como combater a procrastinação?

A procrastinação começa com alguma espécie de sentimento negativo que nos desvia das tarefas importantes. Se você puder reconhecer e reformular alguns destes sentimentos de ansiedade e dúvidas, você poderá elaborar um plano para combater a tendência à procrastinação e gerenciar melhor o seu tempo.
 

Problema

Solução


Perfeccionismo e expectativas irreais: Pensar que você não fez o melhor que possivelmente poderia fazer. O trabalho nunca está suficientemente bom para ser entregue.

1.Pare de procurar a perfeição a qualquer custo.
 2.Defina um prazo firme para terminar.
 3.Comece logo e faça o melhor que você conseguir neste prazo.
 4.Examine e corrija mais tarde.

Medo de falhar: Pensar que se não fizer o melhor, você é um fracassado. Ou pensar que, se falhar num teste, você, como pessoa, é um fracasso, ao invés de pensar que você é uma pessoa normal que falhou num teste.

1.Reflita sobre a falha e use-a para aprender. Como posso fazer melhor na próxima vez?
 2.Aplique o que aprendeu na próxima tarefa ou teste.

Achar a tarefa enfadonha: Ficar paralisado pensando nos aborrecimento que terá na execução de uma tarefa tediosa e cansativa.
 
1.Focalize suas prioridades e objetivos.
 2.Concentre-se nos resultados a serem obtidos.
 3.Prometa a si mesmo uma recompensa pela execução da tarefa, alguns momentos de relaxamento.

Medo e ansiedade: Sentir-se esmagado pela complexidade e tamanho da tarefa e com medo de falhar. Como resultado, você gasta muito de seu tempo angustiado com o que tem a fazer, ao invés de agir.

1.Divida a grande tarefa em tarefas menores.
 2.Estabeleça metas específicas e realize uma de cada vez.

Dificuldade de concentração: Sentado à sua mesa, você se vê a sonhar, flutuando no espaço, navegando pela Internet sem propósito, etc., ao invés de se dedicar à sua tarefa.

1.Esforce-se para fazer algo e dar a partida: organize seu local de trabalho; leia ou revise o que já foi feito.
 2.Comprometa-se a trabalhar na tarefa pelo menos 10 minutos.
 3.Comprometa-se com mais 10 minutos e assim por diante, até engrenar.
 

Fraco gerenciamento do tempo: Procrastinação significa que seu tempo não está sendo administrado com inteligência. Você pode estar inseguro quanto às suas prioridades, objetivos e metas. Como resultado, você se dedica a tarefas menos importantes, sem planejamento.
 
1.Defina suas prioridades de acordo com a importância e urgências das tarefas.
 2.Prepare sua lista de coisas a fazer, de acordo com as prioridades definidas.
 3.Siga seu planejamento e não o que seria mais agradável fazer.
 

Problemas pessoais: dificuldades financeiras, conflitos no trabalho, problemas familiares ou amorosos, etc.

Procure um conselheiro, um profissional ou um amigo que possa ouvi-lo e orientá-lo.


Estude e identifique as causas que o estão levando à procrastinação e combata os maus hábitos. Comece já, agora!
 
Por Jairo Siqueira em Criatividade, Produtividade.

Um comentário:

  1. oie.... nossa achei muito interessante o seu texto sobre procrastinação, vc disse tudo o que precisava ler. bj obrigada! !

    ResponderExcluir